sábado, 31 de dezembro de 2011

Liberdade para Mordechai Vanunu

Mordechai Vanunu é um ex-técnico nuclear, que esteve preso em Israel durante quase 18 anos, por ter revelado a existência do programa de armamento nuclear desse país.

Vanunu foi raptado a 30 de Setembro de 1986, julgado irregularmente e mantido durante mais de 11 anos em regime de solitária, isolado numa cela minúscula, um castigo que a Amnistia Internacional considera cruel, desumano e degradante.

A 21 de Abril de 2004 foi finalmente libertado, embora as autoridades israelitas lhe tenham imposto um conjunto de restrições - como não poder entrar numa embaixada, dar entrevistas ou sair do país.

A Amnistia Internacional, através do seu Grupo Local 19 (Sintra) continua a exigir a libertação total e incondicional de Mordechai Vanunu. Conheça a sua história através desta página.

Sem comentários:

Publicar um comentário